É com alegria que compartilhamos que, entre os dias 12 e 18 de março, contaremos com a presença do Venerável Bhikkhu Dhammiko em nossa sede em Santa Teresa. A oportunidade de estar próximo a um monge é muito rica para aqueles que buscam aprofundar seus estudos e sua prática no Budismo (ainda mais contando com a rara presença de um monge Theravada que fala português). Por isso convidamos a todos a participarem das atividades destes dias:

– meditações diárias, ao nascer do sol e ao fim do dia;
– sessões de perguntas e respostas;
– oferecimento de alimentos para refeição do monge;
– grupo de estudos especial no dia 13 de março;
– retiro de meditação entre os dias 14 e 16 de março (as inscrições serão abertas através do site na primeira semana de fevereiro e as vagas são limitadas);
– cânticos, meditação guiada e palestra do Dhamma, dia 16 de março, conduzidos pelo monge (como nos demais domingos, a atividade será aberta a todos, sem necessidade de inscrição).

Fique de olho para saber os horários e as demais atividades. Para o oferecimento de alimentos, pedimos que se respeite o horário da refeição (que em breve será divulgado), que se tragam apenas pratos vegetarianos, e que entre em contato por telefone ou email com, no mínimo, um dia de antecedência. Caso queira pernoitar na sede, por favor, entre em contato anteriormente.

SOBRE O VENERÁVEL DHAMMIKO

Monge da Sangha de Budismo Theravada da Floresta de Portugal, da Linha da Tradição da Floresta da Tailândia de Ajahn Chah e Ajahn Sumedho, Dhammiko Bhikkhu nasceu em Lisboa, em 1969. Sempre se sentindo muito ligado à Natureza, chegou a ser militante da Quercus de 90 a 95. Cursou na Escola Superior Agrária de Castelo Branco, finalizando o Bacharelato em Engenharia de Produção Agrícola com um estágio final em ‘Plantas Aromáticas e Medicinais’, em Chemillé, França. Quando ainda na Universidade, o interesse por assuntos mais espirituais manifestou-se e intensificou-se, dando lugar a uma busca nesse âmbito, busca esta que gradualmente se apurou em direção ao recolhimento meditativo, ao Yoga, ao Budismo e à necessidade de uma maior disciplina interior, que por conseguinte conduziu à prática budista monástica.

Em Abril de 2003 visita o Mosteiro Budista Amaravati pela primeira vez. Uma segunda visita segue-se em Setembro desse ano e, após cuidadosa reflexão, regressou de novo a Amaravati com a intenção de se ordenar como postulante Anagarika, que vem a ocorrer em Junho de 2004. Ordenou-se como noviço a 15 de Maio de 2005 e teve ordenação completa como Bhikkhu (monge budista mendicante) a 9 de Julho de 2006, tendo Ajahn Sumedho como preceptor.

Perfil do Venerável Dhammiko